As regras para doações de campanha eleitoral na Internet

Conhecer bem as regras para doações de campanha eleitoral na Internet é importante para montar a estrutura de arrecadação dessas contribuições para as eleições de 2016. A doação de campanha pela Internet foi regulamentada pelo TSE e pode ser feita até mesmo por cartão de crédito.

A novidade, regulamentada na campanha eleitoral de 2010 e adotada pelas campanhas de Marina e Dilma, promete chegar com mais forma nas próximas eleições municipais, como parte das campanhas de marketing político digital.

O recurso é válido e interessante para estimular o engajamento, mas receber doações de campanha pela internet, requer de candidatos e partidos o cumprimento de algumas regras básicas.

No vídeo abaixo, que faz parte do nosso curso de Marketing Político Digital na versão online, apresentamos detalhes do funcionamento desse mecanismo.

Principais regras para doações de campanha nas Internet

Veja quais são as principais regras para doações de campanha eleitoral na Internet para candidatos e partidos políticos que desejam promover campanhas de arrecadação de fundos para campanhas eleitorais na Internet:

  • Quem poderá receber doações – Poderão receber doações pela Internet candidatos, vice, suplentes, comitês financeiros e partidos políticos devidamente registrados.
  • Aplicativo de arrecadação – Para receberem doações de campanha eleitoral pela Internet os candidatos deverão criar aplicativo próprio para este fim em seus sites de campanha que deverão neste caso, terem a TLD “.br”.
  • Qual pode fazer doações por cartões de crédito – Somente pessoa física poderão fazer doações eleitorais através de cartões de crédito, ficando proibido o parcelamento ou a doação através de cartões emitidos no exterior. É também proibida a doação através de cartão corporativo ou empresarial.
  • Período de arrecadação – O período de arrecadação de doações eleitorais pela Internet irá até a data das eleições municipais, inclusive segundo turno se for o caso. Após esta data, o site deve desabilitar aplicativo de arrecadação imediatamente.

Outros requisitos para o recebimento de doações eleitorais pela Internet

Além das regras para doações de campanha eleitoral na Internet expostas acima, candidatos e partidos também deverão observar os seguintes procedimentos para criação de mecanismos para arrecadação.

Requisitos para arrecadação de doações por candidatos

  • Registro candidatura e obtenção de CNPJ;
  • Conta bancária específica para movimentação financeira de campanha;
  • Receber da Justiça Eleitoral os números de recibos eleitorais;
  • Contratar operadora de cartão ou facilitador de pagamento para habilitação de recebimento de recursos;
  • Criação de página web específica para recebimento dessas doações com TLD .br em provedor com sede no Brasil.

Requisitos para arrecadação de doações por partidos políticos

  • Registro dos diretórios no TSE e anotação dos diretórios partidários;
  • Conta bancária específica para movimentação financeira de campanha;
  • Receber da Justiça Eleitoral os números de recibos eleitorais;
  • Contratar operadora de cartão ou facilitador de pagamento para habilitação de recebimento de recursos;
  • Criação de página web específica para recebimento dessas doações com TLD .br em provedor com sede no Brasil.

Em todas as doações de campanha eleitoral pela Internet o candidato ou partido político ficará obrigado a emitir recibo eleitoral desta  doação. Os recibos eleitorais deverão observar as seguintes regras:

Recibo Eleitoral de doação feita pela Internet

  • É obrigatória a emissão do recibo de doação de campanha em modelo padronizado;
  • A emissão de recibo eletrônico dispensa emissão da via do beneficiário da doação;
  • O recibo poderá ser preenchido manualmente no caso de doação por terminal de cartão de crédito.

A fiel observação dessas regras para doações de campanha eleitoral na Internet é fundamental para evitar as sanções impostas  pela legislação eleitoral que incluem inclusive a reprovação das contas de campanha e consequentemente a inelegibilidade do candidato.

Mantenha-se atualizado sobre questões relativas às regras para doações de campanha eleitoral na Internet e outros assuntos relativos ao marketing político digital, assinando nosso Boletim Informativo.

Por Alberto Valle, diretor e instrutor da Academia do Marketing

Regras para doações de campanha eleitoral na Internet
5 em 1 avaliações

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here